Mais de quatro mil pessoas comparecem a luta de MMA MAX Fight 21 em Caraguatatuba

35

Neste sábado (01/12), a Praça de Evento de Caraguatatuba recebeu mais de quatro mil pessoas que foram prestigiar a primeira luta de MMA da Região, o Max Fight 21, que teve como vencedor da luta principal o lutador Lucas Almeida, consagrado campeão na categoria peso leve. O atleta venceu o duelo contra o adversário Bruno Beirute e manteve-se com o cinturão da categoria 70 kg, que recebeu das mãos do prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior.

O prefeito acompanhou todas as lutas da noite e elogiou o elevado nível das disputas.  “A qualidade das lutas está fantástica. Evento de primeira qualidade, com a atletas de ponta, que futuramente, com certeza, nós veremos no UFC. Todos da organização estão de parabéns. O ano que vem, teremos o evento novamente, se Deus quiser”, afirmou Aguilar Junior.

Os presentes tiveram uma noite de muita adrenalina e emoção, com dez lutas no octógono, sendo sete delas encerradas por nocaute e finalização. O duelo principal, com Lucas Almeida e Bruno Beirute, começou com vantagem para Beirute, que conseguiu um knockdown no primeiro round. Mas Lucas tomou o controle do combate nos assaltos seguintes, conectando os melhores golpes no tempo inteiro e vencendo por nocaute técnico no quinto assalto, com um chute baixo no oponente. Por não ter batido o peso, Lucas não tomou o cinturão dos penas, que segue com Bruno.

O consagrado lutador de UFC, Charles Do Bronx, presente à competição para acompanhar seu aluno, Bruno Beirute, subiu ao octógono para falar aos presentes antes da luta principal e aproveitou para falar de sua próxima luta. “Minha próxima luta será na cidade de Chicago, nos Estados Unidos, no dia 15 de dezembro. Quem quiser assistir, poderá acompanhar esta disputa pelo Canal Combate”, convidou a todos.

O co-main event da noite trouxe um duelo entre Rafael Costa e Vinícius Salvador, pelo peso-galo. Rafael foi superior no combate e venceu por finalização no segundo round. Originalmente, a luta valeria o cinturão dos galos da organização, mas como Rafael não bateu o peso, o título fica vago.

Confira os resultados:

 

Card principal

Lucas Almeida derrotou Bruno Beirute por nocaute técnico no quinto round
Rafael Costa derrotou Vinicius Salvador por finalização (katagatame) no segundo round
Emerson Rios derrotou Lucas Camargo por nocaute no primeiro round
Karine Aryadne derrotou Jéssica Oliveira por nocaute no primeiro round
Clodoaldo Ferreira derrotou Antônio Carcará Silva por decisão unânime
Kaique Modesto derrotou Kaio Cabecinha Tavares por decisão unânime


Card preliminar

Thiago Albuquerque derrotou Guilherme del Campo por nocaute técnico no primeiro round
Alexander Bilard derrotou Marivan Jacaré por nocaute no primeiro round
Bruno Bolt derrotou Jhonathan Rodrigues por nocaute técnico no primeiro round
Alessandro Albuquerque derrotou Lucas Malaco por decisão unânime